Notícia - Todas
14/12/2018 - 15:00
São Paulo vence Vasco e está em mais uma final da Copa Internacional Ipiranga Sub 20

Pelas semifinais da Copa Internacional Ipiranga Sub 20, Vasco e São Paulo entraram em campo na noite da quinta-feira (13). Em jogo disputado no Estádio Universitário do Parque Esportivo da PUCRS, em Porto Alegre, os são-paulinos saíram atrás no marcador com Tiago Reis anotando o gol vascaíno, mas viraram com Gabriel Sara e Diego, garantindo o 2x1 no placar. 

O Tricolor Paulista fará a final da competição pelo quarto ano consecutivo, sendo campeão das duas edições internacionais da Copa Ipiranga (2016 e 2017) e campeão da última no formato somente com clubes brasileiros (2015). Na decisão, o clube enfrenta o Palmeiras, na reedição da final da competição de 2017. A grande final está marcada para domingo, dia 16 de dezembro, às 11h30, na PUCRS, com transmissão pela SporTV. 

A partida começou com o São Paulo buscando mais o ataque. Bem postado, o Vasco ganhava os lances na defesa, principalmente com o zagueiro Norões. Aos 6, Lucas Santos puxou rápido contra-ataque, mas a zaga são-paulina afastou. Aos 11, Lucas Santos lançou Imperiano, que driblou o zagueiro e chutou cruzado para boa defesa do goleiro são-paulino Thiago Couto. Dois minutos depois, o Cruzmaltino chegou novamente com Lucas Santos, que arriscou de fora da área e o goleiro fez outra boa defesa.

Depois de muito insistir, os Meninos da Colina foram premiados pelo desempenho. Aos 21, Lucas Santos fez ótima jogada individual dentro da área pela esquerda e bateu cruzado. A bola sobrou limpa para Tiago Reis, que teve o trabalho só de empurrar para as redes, 1 a 0 para o Vasco.

 

Atrás no placar, os Meninos de Cotia treinados por Orlando Ribeiro trataram de tocar a bola e ganhar terreno na busca do gol. Aos 27 minutos, Gabriel Sara disparou para a área, recebeu de Welington, ganhou do goleiro Alexander e deixou tudo igual, 1 a 1. Foi o segundo gol do camisa 10 do São Paulo na competição. 

Aos 42, o Vasco voltou a assustar. Caio Lopes fez grande jogada, enfileirando a defesa do São Paulo e tocou Lucas Imperiano, que bateu colocado, mas a bola caprichosamente tocou no travessão.

Com a mesma formação no segundo tempo, o São Paulo voltou buscando o gol na pressão. Após cobrança de escanteio de Gabriel Sara, aos dois minutos, Diego subiu mais que todo mundo e virou o placar, 2 a 1. 

O Vasco tentou responder um minuto depois. Caio Lopes e João Pedro puxaram contra-ataque e tocaram em Lucas Santos, que bateu em cima do zagueiro. Aos 21, Lucas Santos recebeu pela esquerda e tentou o chute, mas a bola subiu muito.

Aos 25, Lucas Santos cobrou falta na entrada da área, Tiago Reis desviou e o goleiro do São Paulo, Thiago Couto, bem postado fez a defesa. Aos 33, Tiago Reis subiu mais alto que a defesa do São Paulo e cabeceou bem, mas o goleiro novamente salvou o São Paulo. Aos 37, Vinícius fez boa jogada, mas bateu sem força. O Vasco pressionou bastante, mas não conseguiu o gol de empate. O Tricolor Paulista cadenciou o jogo e esperou o juiz Jean Pierre de Lima apitar o término. 

Ficha Técnica

Vasco: Alex, Cayo Tenório (Nathan), Alan, Norões e Coutinho; Bruno (Luiz Felipe), Caio Lopes (Laranjeira) e Lucas Santos; João Pedro (Vinícius), Lucas Imperiano (Ramon) e Tiago Reis - Técnico: Marcos Valadares.

São Paulo: Thiago Couto, Marcos Jr., Morato, Fasson e Welington (Weverson) ; Diego, Rodrigo Nestor (Alisson), Gabriel Sara, Jonas Toró (Danilo), Gabriel Novaes (Paulinho) e Fabinho (Vitinho). Técnico: Orlando Ribeiro.

Arbitragem: Jean Pierre Lima, auxiliado por Elio Nepomuceno Jr e Michael Stanislau. 4º árbitro: Marco Paim Reis.

Mais fotos da partida em: https://flic.kr/s/aHsmotSdHs

PATROCINADORES

Telefone: (51) 3214-6000

Telefone: (51) 3214-6000