Troféu Dirceu Castro
Copa FGF: Elite vence clássico contra Santo Ângelo pela 5ª rodada

17 OUT 2021 17:19

Jonathan comemora o primeiro gol do Elite no clássico

Pela 5ª rodada da Copa FGF – Troféu Dirceu Castro, a equipe do Elite venceu o clássico contra o Santo Ângelo, no estádio Zona Sul, em Santo Ângelo. Na tarde deste domingo (17), os visitantes levaram a melhor e venceram por 3 a 0. Os gols da partida foram marcados por Jonathan, João Lucas e Jean. O goleiro do Elite foi um dos destaques do jogo, com pênalti defendido e lançamento para o primeiro gol.

Confira a tabela da Copa FGF - Troféu Dirceu Castro
Acompanhe a Copa pela FGF


O jogo

Mesmo jogando fora de casa, a equipe do Elite começou a partida melhor que o Santo Ângelo. Logo com quatro minutos da primeira etapa, o Galo Carijó quase abriu o placar. Em cobrança de escanteio, Luis Henrique cabeceou e venceu o goleiro, mas o lateral esquerdo Bruno cortou em cima da linha. A melhor chegada do Santo Ângelo foi com o camisa 10 Igor, que recebeu na entrada da área e chutou para a defesa do goleiro. No rebote, Roberto chutou, a bola bateu na mão do defensor e a arbitragem marcou pênalti. Igor chamou a responsabilidade e cobrou, mas o goleiro Gabriel Barossi fez a defesa. O placar foi inaugurado aos 33 minutos. Em ligação direta de Barossi, Jonathan recebeu nas costas da defesa e chutou na saída do goleiro para colocar o Elite na frente.

O Santo Ângelo deu o toque inicial para a etapa complementar, mas com a bobeada da defesa dos donos da casa, João Lucas aproveitou e driblou a marcação. Com espaço livre, chutou cruzado de perna esquerda e marcou o segundo do Elite, com 20 segundos. O Galo Carijó teve oportunidade de ampliar novamente com João Lucas, que recebeu livre na área e bateu de primeira, mas a bola explodiu na trave. O terceiro gol só veio aos 33 minutos. Jean soltou o pé na cobrança de falta e estufou as redes do goleiro. Na reta final da partida, o Santo Ângelo teve boa chegada ofensiva. Thiago limpou dois marcadores e cruzou para área. O goleiro fez o corte e, no rebote, Igor chutou de primeira, mas mandou pra fora.

Texto por Angelo Pieretti, com a supervisão de Christiane Matos